Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Pais de duas crianças de 3 e 2 anos denunciam a dona de uma escolinha infantil do Bairro Industrial São Luiz, em Betim, na Grande BH, por maus-tratos. Os familiares tiveram acesso a áudios que supostamente seriam da mulher. Nas gravações, é possível ouvir xingamentos para obrigar uma criança a comer.

 Ouça o áudio da rádio Itatiaia:

 

O áudio foi feito por um vizinho da unidade infantil que disse não aguentar mais ouvir a mulher maltratar as crianças, falar palavrões e fazer pressão psicológica.

“Engole tudo! Engole,engole que estou com pressa. Você vai engolir. Anda depressa. Engole! Engole! Te dou três dias para você melhorar, para você aprender. Engoliu? Abre a boca. Beleza. Agora toma seu leite. Se você achou que você ia vomitar e ia tomar banho… não senhora! Você comeu toda vomitada”, diz a mulher na gravação.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e registrou a ocorrência.  A reportagem da Itatiaia conversou com a mãe de uma aluna da escolinha. “Fiquei sabendo que as crianças eram agredidas verbalmente na escola. Forçadas a comer e forçadas a engolir vômitos. Minha filha, por exemplo, chora muito antes de ir para escola, não gosta nem de vestir o uniforme. Quando vou fazer a lancheira dela, ela pede para tirar o lanche para não ter que comer na escolinha”, conta a mãe, que não será identificada.   

A reportagem da Itatiaia entrou em contato com a proprietária da escola infantil, que passou a ligação para o marido. Ele disse que no momento não iria se pronunciar sobre o assunto. No entanto, avisou que iria procurar um advogado para entrar com uma ação criminal contra o vizinho que gravou os áudios.



Itatiaia


Copyright © 2019 Tribuna de Betim - Notícias. Todos os direitos reservados.
Grupo BEZ Tecnologia e Soluções. Betim - MG - Brasil