Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Una Betim se destaca entre 20 universidades, ficando em 4° lugar na categoria fase oral

 

Competições de Direito são comuns em faculdades tradicionais europeias e americanas. No Brasil, a I Competição Mineira de Direito e Processo Penal também foi a primeira no País, promovida pelo Instituto de Ciências Penais Jovem (ICP Jovem).

 

A Una Betim participou do evento que reuniu no mês de outubro mais de 350 estudantes, que fizeram parte de 44 equipes, de 20 instituições de ensino de diferentes estados. O caso fictício teve como tema as "Medidas protetivas de urgência da Lei Maria da Penha". As simulações exigiram trabalho em equipe, produção de texto escrito e oralidade, capacidades exigidas pela futura profissão. 

 

Saber sustentar uma boa argumentação é essencial para quem quer seguir carreira no Direito. O aluno do 7º período Leandro Henrique Brito de Freitas foi um dos destaques na fase oral.  A simulação também propiciou oportunidades de vivenciar o conhecimento na prática. “Foi uma chance de mostrar que com empenho podemos apresentar nossa melhor versão e de saber que podemos chegar ao mercado com mais confiança”, diz.

 

Os participantes tiveram que treinar também a postura e a forma mais adequada de se dirigir a uma corte. A competição colocou alunos e profissionais experientes no mesmo “julgamento”. “Estivemos com promotores, advogados e juízes que só víamos na TV ou no Youtube. Foi uma experiência incrível”, diz.

 

A primeira parte da competição foi promovida na UFMG. Já a final, na imponente sala do Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Das 44 equipes, apenas 20 passaram para a fase oral e 8 para as eliminatórias. A Una Betim ficou em 4º lugar na classificação da fase oral, na 10ª posição na parte escrita e em 5º lugar na classificação das eliminatórias. A equipe da Una Betim foi orientada pelos professores Jacques Trindade e Everson Brugnara.