Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

 

Com investimento de R$ 250 milhões em recursos próprios, Hospital Unimed – Unidade Betim inicia operação no dia 14 de abril

 

Com foco na melhoria da qualidade assistencial, a Unimed-BH, uma das maiores operadoras de planos de saúde do país, inaugura no dia 10 de abril o Hospital Unimed – Unidade Betim. Quinto da rede própria da Unimed-BH, o novo hospital demandou investimentos de R$250 milhões em recursos próprios. Localizado no bairro Riacho das Areias, a operação da unidade acontecerá em duas fases. Na primeira, dia 14 de abril, começam a funcionar as alas de internação clínica, lactário, centro de imagem, laboratório e áreas administrativa e de apoio. Em junho tem início a segunda fase, quando passam a operar as internações cirúrgicas, UTI’s adulto, pediátrico e neonatal, centros cirúrgico e obstétrico – incluindo os quartos de pré-parto, parto e puerpério imediato (PPPs) – endoscopia e hemodinâmica, além de atendimento em 27 especialidades médicas e consultas em pronto-socorro com capacidade para 900 atendimentos por dia e 27 mil por mês. 

A abertura do Hospital Unimed – Unidade Betim vai permitir a ampliação do número de leitos no município e receberá pacientes direcionados de outras unidades da rede. Na primeira fase serão 43 novos leitos de internação clínica e, ao final da segunda fase, serão 182 leitos, dos quais 60 direcionados para UTI adulto, pediátrico e neonatal. A capacidade instalada do hospital é de 300 leitos. Para o diretor-presidente da Unimed-BH, Samuel Flam, o investimento na cidade reforça a importância do município para a Cooperativa. “Atualmente a Unimed-BH possui 125 mil clientes em Betim e região, que é um importante polo industrial do Estado e que, assim que o país retomar o crescimento econômico, será uma área com forte investimento e aumento no nível de empregos”, afirma.


A obra do hospital foi executada em 24 meses, tendo cumprido todo o cronograma de execução e a programação de custos. - Crédito da foto: Nitro Imagens

Avaliação do Usuário: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

 

No aniversário do Monte Carmo quem ganha é você.”


Acolhedor e ideal para o entretenimento, lazer e compras, o Monte Carmo Shopping celebra 5 anos de mercado. O empreendimento se consagrou como o shopping da família e carrega históricas inesquecíveis com acontecimentos marcantes na cidade de Betim.

Para comemorar esta data especial, o shopping irá presentear as 100 primeiras pessoas que participarem da ação +cupons Monte Carmo com um ingresso para o Cineart.

Um totem será instalado na Praça de Alimentação a partir de hoje (08), com um QR CODE. Para participar será necessário baixar um leitor de QR CODE no celular, fazer a leitura da imagem no totem e gerar o voucher. O voucher deverá ser trocado pelo ingresso do cinema de segunda à quarta no Cineart Monte Carmo Shopping, e terá validade apenas para os filmes da quarta-feira (10)*.

*Ingresso válido para todos os filmes da quarta-feira, 10/04/2019.

 


MONTE CARMO COMPLETA 5 ANOS E IRÁ PRESENTEAR SEUS CLIENTES COM INGRESSOS DO CINEART

Local: Monte Carmo Shopping

Av. Juiz Marco Túlio Isaac, 1119, Ingá Alto – Betim / MG - Telefone: (31) 3117-1511

Horário de funcionamento: Segunda a sábado, de 10h às 22h; domingo, 12h às 22h

Facebook: www.facebook.com/MonteCarmoShopping

Instagram: www.instagram.com/montecarmoshopping

Avaliação do Usuário: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

A cidade já registrou por enquanto, seis óbitos foram confirmados. Mas ainda tem mais seis casos de pessoas que morreram depois de sentir os sintomas da doença estão sendo investigados.


Prefeitura admite que não tem equipes de Agentes de Endemias e que faltam mais de 150 agentes. População reclama que agentes que tem a função orientadora e fiscalizadora ficaram mais de 8 meses sem visitar casas.

Betim atingiu números absurdos nunca antes alcançados de casos na cidade.
Em apenas quatro meses a cidade já fez notificações de 17.172 casos de dengue. Ainda segundo a administração municipal, 5.464 foram confirmados. Por enquanto ainda não há casos confirmados de chikungunya ou zika.

Para piorar o quadro a prefeitura cedeu espaço aonde era a clínica de hidratação próximo ao centro para uma entidade e agora teve às pressas de alugar um espaço particular em local distante do centro e desconhecido pela maioria da população.

Muitos reclamam da falta de informações e de transporte para o local tendo de pagar mais passagens até o novo endereço da clinica alugada que pertence a ASMUBE.
Pacientes ainda reclamam da superlotação e falta de médicos e enfermeiros no local. A clínica fica na Rua Mato Grosso, 926, no Bairro Espírito Santo.

A prefeitura apesar de não ter feito sua parte agora joga a culpa a população pela epidemia e o caos. Por outro lado a população reclama que agentes de combates às endemias ficaram sem visitar as casas há mais de oito meses. Nisso a prefeitura assume que as equipes estão totalmente desfalcadas, Vários populares nos procuraram e denunciaram que: "vários agentes pediram conta por falta de condições de trabalho e de salário baixo. Só agora depois da epidemia e várias mortes é que prefeitura começou tomar providências".

A prefeitura informou que:

"Até 25 de março, segundo dados da Vigilância Epidemiológica, ligada à SMS, foram notificados 12.851 casos prováveis de dengue, sendo 4.300 já confirmados. Um óbito foi confirmado e 8 casos de mortes seguem em investigação.   As regionais com maior incidência são Alterosas, Norte e Imbiruçu.
 
De janeiro a março de 2019, o Centro de Controle de Zoonoses e Endemias recebeu 465 solicitações para fiscalizar focos de dengue, sendo 366 atendidos e 99 em andamento.    O maior número de casos de dengue foi registrado nas regionais Alterosas, Norte, Imbiruçu, Centro e Teresópolis.
"

 


 

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Tradicional padaria da cidade chega ao Bairro Angola com unidade ampla e maior número de operações gastronômicas

Uma das padarias mais tradicionais de Betim, com 35 anos de história, a Nutrivida Padaria e Empório inaugurou na última sexta-feira (22) uma nova unidade na cidade. Agora, os clientes podem contar com a nova unidade no Bairro Angola (Avenida Edmeia Mattos Lazarotti, 1381 – Posto Liberdade), em um ambiente aconchegante e moderno.


Nutrivida - Betim - foto_Lucas Lage


Na nova unidade, os clientes têm à disposição o que há de melhor na gastronomia, com diversos tipos de operações como pizzas, massas ao vivo, saladas, comida japonesa, carnes especiais, café colonial, além das delícias tradicionais como confeitaria, pães rústicos e de fermentação natural, produtos artesanais e produtos especiais para pessoas com restrições alimentares, sem glúten e lactose. “A nova unidade chega para agradar aos nossos clientes, que já contavam com diversos serviços de café da manhã, almoço e lanches mas que sugeriam novas operações e mais espaço”, conta a proprietária Wânia Viana.

A Nutrivida é uma empresa voltada ao bem-estar dos seus clientes e colaboradores e preza por práticas sustentáveis e socioambientais responsáveis, sendo reconhecidamente umas das melhores microempresas de Betim. “Unimos gastronomia à boa prestação de serviços e estamos sempre prontos para servir, com dedicação e qualidade desde a seleção da matéria-prima até o produto final. Atendimento diferenciado também é nossa prioridade", finaliza Wânia.

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Um mês convite ao conhecimento sobre o autismo.”


Em abril, o Monte Carmo se veste de azul para a campanha de conscientização sobre o autismo: o Abril Azul. A campanha visa ajudar a conscientizar a população mundial sobre o Autismo, um transtorno no desenvolvimento do cérebro que afeta cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo.

O autismo é um transtorno do desenvolvimento caracterizado pelo atraso no desenvolvimento das habilidades sociais, comunicativas e cognitivas. O diagnóstico é feito exclusivamente pela observação comportamental da criança além de entrevista com os pais ou responsáveis. Os sintomas geralmente se manifestam antes dos 36 meses de vida, como por exemplo, pela demonstração de maior interesse por objetos que pessoas, ausência de conta