Coluna do SINDIJORI

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Crise

Todos os analistas nacionais ou internacionais com alguma credibilidade apontam que 2014 será um ano muito difícil, mas que 2015 tende a ser caótico para o Brasil. O país pagará a conta das maquiagens econômicas do PT, de Lula e Dilma produzidas com um único objetivo: a continuidade do projeto de poder da esquerda. O Brasil conseguiu sobreviver à manipulação dos projetos sociais, que renderam o segundo mandato de Lula e o primeiro de Dilma, mas agora o país está ameaçado por outro tipo de mentira: a mentira na economia. Os pilares da estabilidade estão ruindo e tudo indica que, se reeleita,Dilma completará o estrago, pois aí mesmo que não ouvirá ninguém. PIB de menos 2%, congelamento de preços públicos, subsídios que desgraçam os municípios, descumprimento do superávit primário, enfraquecimento do real, inflação e juros subindo. O Brasil já viveu este drama. A continuidade de Lula, Dilma e o PT no poder condena o país a passar por tudo isso. De novo, pois quem criou o problema não irá resolvê-lo. É hora de mudança. O que nos resta é o voto.

(Jornal Folha das Gerais - Salinas/MG)

 

Descaso do PT com Minas

Fernando Pimentel, ex-ministro de Desenvolvimento Indústria e Comércio do governo petista de Dilma Rousseff deu entrevista ao Estado de Minas já como candidato ao governo de Minas Gerais e disse que o que vê de mais urgente em Minas Gerais, é a segurança dos mineiros. Que nosso estado anda muito violento. Ao que parece o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel deve viver em Brasília somente dentro dos ministérios ou recluso em seu apartamento, sem assistir ou ler os noticiários do Brasil. Sinto muito ministro, mas tenho de informá-lo que a violência é generalizada neste país, não é um problema só das nossas gerais. Não soube explicar porque a presidente sendo mineira deixou nossa capital sem investimento para a mobilidade urbana, principalmente o metro. Disse que há até dinheiro disponível no governo federal e culpou a Metrominas por falta de projeto Sr candidato, desculpas esfarrapadas como estas não andam colando mais, o eleitor anda mais esclarecido, portanto busque uma plataforma mais contundente, e desculpas melhores para o descaso do PT com Minas Gerais.

(Jornal Diário Boca do Povo - Sete Lagoas/MG)

 

JBS é condenada

O grupo JBS Friboi foi condenado pela Justiça do Trabalho a pagar indenização de R$ 2 milhões por danos morais coletivos após inspenções identificarem falhas nas instalações da distribuidora de carnes Equatorial Alimentos, empresa adquirida pelo grupo JBS, segundo o Ministério público do Trabalho (MPT). A companhia foi obrigada a adequar-se às normas de saúde e segurança do trabalho, impondo intervalos de 20 minutos a cada 1h40 de trabalho aos empregados de câmaras frigoríficas e demais ambientes frios, além de fornecer equipamentos de proteção individual, água potável e adotar medidas de proteção contra queimaduras e contra incêndios e realizar manutenções em máquinas e equipamentos. A multa é de R$ 10 mil por regra não cumprida, mais R$ 500 por trabalhador prejudicado. "Que piada ! Tomaram uma multa milionária ???? Coitadinhos !!!!. O dono dessa empresa é o filho do Lula, o cara acaba de comprar um jato de R$ 100 milhões de reais, como ? facilidades do governo federal junto a JBS fizeram com que o filho do Lula se tornasse sócio da empresa, nem preciso dizer que o cara é semi analfabeto como o pai e que a 8 anos atrás limpava jaulas de animais do zoológico de São Paulo. Que saudades dos militares no Governo ! é um retrocesso, porém a curto prazo é a única saída para um país como o nosso e com um povo como o nosso que só pensa em carnaval, cervejinha, futebol ... Chega de hipocrisia, não sabemos votar, não merecemos essa tal democracia !!!

(Portal Giro News - São Paulo /SP)

De mal a pior

O título da matéria é uma referência a gatunagem que impera em grande parte do país, e, principalmente, na Ilha da Fantasia. Falarmos do que acontece na "ilha" deixa todos estarrecidos ! É muita sem-vergonhice junta! O Supremo encerrou o polêmico julgamento do "mensalão" de forma até trágica. De forma inacreditável. Temos que nos conformar com isto. Dois julgamentos, sendo que um anulou o outro. Durma-se com um barulho desses. Agora, segundo o jornalista Eliane Cantanhêde, da "Folha", foi confirmada uma aliança para o governo do Distrito Federal, que ainda vai dar muito pano para a manga. A aliança tem estas figuras (acredite porque é verdade !): José Roberto Arruda, que renunciou ao senado, caiu do governo do Distrito Federal e foi até preso. Luiz Estevão de Oliveira, que foi cassado pelo senado e tem uns 40 processos nas costas, Joaquim Roriz, que renunciou ao senado e tem uma ficha mais do que suja. A chapa ficou assim: Arruda para o governo, Liliane, filha de Roriz, para vice e Gil Agnelo (suplente de Roriz)para reeleição ao senado. O grande problema não é a união deles, mas o fato de poderem lançar chapa e disputar eleições para o governo do Distrito Federal, apesar das cassações, renúncias, condenações e prisões. A pergunta é uma só: e a ficha limpa ? Aqui nada que é sério vinga. Falou-se tanto nessa ficha limpa que todos nós ficamos animados. Maus elementos com provas, não poderiam mais participar da política. Hoje, temos quadrilhas demais e justiça de menos. o ex-presidente Francês De Gaulle, tempos atrás, disse o seguinte :"O Brasil não é um país sério". E não podemos contestar. Fazendo-se exceção da morte, tudo tem solução, e tenho certeza que vamos acabar revertendo esse infeliz quadro. A pergunta é uma só e a mesma : Temos ou não que mudar o regime ? Vamos aguardar. Quem viver, verá.

(Francisco Risola - Associação Sul Mineira de Imprensa)

 

STF absolve réus

Com os votos dos ministros Teorizavascki e Rosa Weber, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu pela absolvição de oito condenados do processo do mensalão pelo crime de formação de quadrilha, em seção realizada recentemente. Ao todo, seis ministros reverteram a condenação e cinco votaram pela manutenção da pena. "Esta é uma tarde triste para este Supremo Tribunal Federal, porque, com argumentos pífios, foi reformada, jogada por terra, extirpada do mundo jurídico uma decisão plenária sólida, extremamente bem fundamentada que foi aquela tomada por este plenário no segundo semestre de 2012", disse o presidente do STF, Joaquim Barbosa, um dos cinco a votar pela condenação. Não pretendemos entrar no mérito da culpabilidade ou não, dos réus, o que nos preocupa é não entender de fato, como pessoas de tamanhos conhecimentos jurídico se posicionam ora a favor, ora contra, em uma interpretação do crime em si, a luz da legislação brasileira.

(Jornal Folha de Nanuque - Nanuque/MG)

 

Câncer de Próstata

Um dos maiores temores dos homens que precisam fazer exames preventivos de câncer de próstata pode estar com seus dias contados. O exame do toque retal pode ser substituído nos próximos meses por um teste barato, fácil e preciso para detectar este tipo de câncer. Ele é descrito como o maior avanço no diagnóstico do câncer de próstata em 25 anos. Estudos mostram que o novo teste, feito com a urina, pode ser duas vezes mais confiável que o exame de sangue existente para a detecção da doença. A perspectiva para esta nova ferramenta de diagnóstico é extremamente interessante, visto que poderá resultar no número de óbitos obtidos por este tipo de câncer. Acontece que, o número de homens que não se sentem à vontade para fazer o toque retal farão por certo este exame de urina. Desta forma,a identificação precoce da doença passará a ser feita de maneira mais efetiva.

(Jornal Tribuna Livre - Viçosa- MG)

 

Explode a violência

De janeiro para cá, inúmeras foram as notícias demonstrando que a sensação de prisão domiciliar tem modificado a rotina das pessoas. Os cidadãos pagadores de impostos são reféns do medo. Em contrapartida, as empresas de segurança privada crescem aos nossos olhos, à medida que o Poder Público desdenha da sociedade e ignora o artigo 144 da Constituição Federal que diz ser dever do Estado a preservação da ordem pública. Afinal, que ordem temos visto no Brasil ultimamente ? Estamos em guerra. A criminalidade tomou conta do país. Pessoas comuns a fazer justiça com as próprias mãos, "os justiceiros" agora batem em ladrões e depois os prendem em postes, desacreditados da segurança pública. Fala quem pode. De fato a sociedade já não aguenta mais se sentir prisioneira em sua própria casa enquanto os marginais circulam livremente e impunes.

(Jornal O Gorutuba - Janaúba/MG)

 

Trabalho Escravo

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou Hallisson Ferreira Moreira, sócio da rede de supermercados Verdemar, em Minas Gerais, por trabalho escravo. Além do empresário, Elmar José Coutinho, administrador da Construtora Línea, empresa responsável pelas obras do Verdemar, Benedito dos Santos Andrade, funcionário da construtora, e Leandro Souza de Pinhos, gerente de recursos humanos da varejista, foram acusados de crimes de redução de trabalhadores a condições análogas a de escravo e aliciamento de trabalhadores, segundo o MPF. De acordo com o processo, há um ano, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) fiscalizou alojamentos compartilhados pelas duas empresas e encontrou 40 empregados da Construtora Líneas e 13 empregados do Verdemar em condições degradantes de trabalho. "Os alojamentos estavam em péssimas condições de conservação, higiene e limpeza. Não havia lavatório e mictório nas instalações sanitárias, nem era fornecida água potável aos trabalhadores", disse o MPF, em nota. Também não eram fornecidas camas adequadas, nem lençol, travesseiros e cobertores. Segundo testemunhas ouvidas pelo Ministério Público, Moreira tinha conhecimento das condições dos alojamentos. Além do crime de trabalho escravo, os acusados irão responder também por aliciamento de trabalhadores de um local a outro do território nacional.

(Portal NewTrade - São Paulo/SP)

 

 

Pimenta no Rolo

A Polícia Federal indiciou o tucano Pimenta da Veiga por envolvimento no mensalão tucano. Pimenta, ministro das Comunicações de FHC, é o candidato oficial do PSDB ao Governo de Minas Gerais. O candidato tucano recebeu R$ 300 mil das agências de publicidade de Marcos Valério. Pimenta reconhece ter recebido tal valor e defende que mereceu, por tudo que fez às empresas de Marcos Valério, a quem prestava serviços advocatícios. O último advogado que alegou prestar serviços a empresa de

Marcos Valério, Rogério Tolentino, foi condenado e já cumpre pena.

(Antônio Trajano - Jornal Atual - Cataguases/MG)