Cerca de 50 mil pessoas serão beneficiadas

 

A Prefeitura de Betim, por meio da Empresa de Construções, Obras, Serviços, Projetos, Transportes e Trânsito de Betim (ECOS), dará início a mais uma importante obra para a cidade: o Sistema de Esgotamento Sanitário do Citrolândia. Na terça-feira, 13, a presidente da ECOS Marinésia Makatsuru assinou a ordem de serviço para   início dos trabalhos. A obra, orçada em cerca de R$8 milhões, contemplará a construção de interceptores de esgoto, duas elevatórias e uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Os recursos fazem parte do programa PPI -Intervenções em Favelas, do Ministério das Cidades. 

A nova ETE irá atender 23 bairros que compõe a região do Citrolândia beneficiando cerca de 50 mil pessoas. Segundo a presidente da ECOS, a expectativa é que os trabalhos se iniciem na primeira quinzena de dezembro. "A empresa recebeu a autorização para dar início a obra e esperamos que o cronograma seja cumprido. Sabemos a importância de uma estrutura como essa. Vamos acompanhar e fiscalizar todo o processo para garantir a qualidade do trabalho. Esperamos também que a população se conscientize cada vez mais e faça a ligação das redes de esgoto domésticas à da Companhia de Saneamento para que tenhamos uma cidade cada vez mais ecologicamente correta", relatou.

Para o administrador da regional Citrolândia Marcus Valle a notícia não poderia ser melhor. "Esta obra é aguardada há muito tempo pela população. Toda a comunidade do Citrolândia se beneficiará com mais essa melhoria no saneamento. É uma grande conquista do governo municipal", disse.